Para quem busca uma excelente combinação entre gastronomia, cultura e hospitalidade. Suas montanhas (Dolomitas) fazem fronteiras com algumas das montanhas mais famosas da Europa.

Estações de Ski:

Madonna di Campiglio
Madonna di Campiglio está localizado num montanhoso vale em Brenta Dolomites, a 100 km de Bolzano e a 3 horas de Verona. A estação é oficialmente avaliada como o mais importante ski resort da Itália, pela qualidade de suas pistas, e pela tradição em sediar eventos internacionais de esportes de inverno, como o “World Cup Ski Races”, e o “Snowboarding Championships”.

Madonna-di-Campiglio-Chamada_thumb_canal

Cortina D’Ampezzo
Esta charmosa cidade, que foi sede das olimpíadas de inverno de 1956, é envolta por um ar intimista e sofisticado. Com inigualável infraestrutura, Cortina D’Ampezzo é considerada uma das melhores e mais disputadas estações de ski do mundo e a mais elegante da Itália. Cercada por espetaculares picos e montanhas nevadas é conhecida como a rainha das Dolomitas e atrai milhares de turistas todo ano. Esse renomado resort presenteia os visitantes com 140 pistas de esqui e snowboard, mais de 80 km de cross-country, escolas de esqui, aluguel de equipamentos e muitos esportes de inverno, inclusive patinação.

Pragelato Via Lattea
Pragelato é uma comuna, na província de Turim, na região italiana do Piemonte, localizada a cerca de 60 km a oeste de Turim, na parte superior Val Chisone. O nome Pragelato, que significa “prado gelada”, foi derivado do clima severo e ao fato de que o chão está coberto de gelo por longos períodos. A estação possui estrutura bem equipada para o esqui cross-country. Seu curso Olímpico tem um sistema de tomada de neve ao longo de 10 km e um campo turístico ao longo do Parque Natural Troncea. Pragelato tem suas próprias áreas de esqui alpino, com cerca de 50 km de pistas e está ligada à área de esqui da Via Lattea, com cerca de 400 km de encostas em Sestriere, Sauze d’ Oulx, Montgenevre (França), Claviere, San Sicario e Cesana.